Redes de atenção à saúde e as demandas dos usuários pela Unidade de Pronto Atendimento: Conflitos e possibilidades

  • Greici Capellari Fabrizzio Universidade Federal de Santa Catarina
  • Keli Cristina Marocco Enfermeira no Hospital Regional São Paulo
  • Daniela Savi Geremia Professora do Curso de Graduação em Enfermagem e Medicina da Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Lilian Cristina Galão da Costa Enfermeira na Prefeitura Municipal de Chapecó
  • Angelina de Mesquita Moreira Galupo Enfermeira na Prefeitura Municipal de Chapecó
Palavras-chave: Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde, Acesso aos Serviços de Saúde, Serviços Médicos de Emergência, Emergências, Atenção Primária à Saúde.

Resumo

Este estudo buscou identificar o perfil das demandas pelo serviço de urgência e emergência de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município de Chapecó/SC. Trata-se de um estudo descritivo, quantitativo, realizado com dados secundários dos atendimentos realizados de abril a julho de 2014. Os dados foram analisados pelo software SPSS versão 20.0. Os resultados encontrados apontaram nos seis primeiros meses de funcionamento uma média de atendimentos médicos diários de 162,32, o esperado para uma UPA de porte II. Entretanto, a maioria das demandas dos usuários foi por serviços e cuidados que não se encaixam no escopo de atendimento. Observou-se o elevado número de atendimentos médicos por diagnósticos não emergenciais no serviço de média complexidade sendo em sua maioria classificados como causas sensíveis da atenção básica. Conclui-se que as demandas dos usuários da UPA representam conflitos frente a difícil compreensão do itinerário terapêutico que devem seguir na rede de atenção e serviços de saúde.

Publicado
19-12-2018
Como Citar
1.
Capellari Fabrizzio G, Marocco K, Savi Geremia D, Galão da Costa L, de Mesquita Moreira Galupo A. Redes de atenção à saúde e as demandas dos usuários pela Unidade de Pronto Atendimento: Conflitos e possibilidades. JMPHC [Internet]. 19dez.2018 [citado 15nov.2019];9. Available from: http://www.jmphc.com.br/jmphc/article/view/572